Ciência Milenar :)

Atualizado: Out 14

Há milênios, no sul da Ásia, em uma ou algumas reuniões de sábios, de uma forma pouco comum nos dias de hoje - mas que ainda acontece, depois eu explico como - houve, por estes sábios reunidos, a compreensão da natureza, do universo. Nascia assim, a Ciência da Vida,

hoje reconhecida como o  primeiro sistema de saúde da humanidade. Alguns milênios ainda foram necessários para que surgisse o primeiro escrito sobre essa ciência, que até então era passada verbalmente, através de versos cantados - facilitando a sua memorização. Os primeiros livro contendo os princípios da Ciência da Vida provavelmente foram escritos entre os séc. II a.C. e II d.C.


Outubro é o mês no qual se celebra o dia do médico no Brasil. Mas isso não é de hoje! Em outubro também se celebra a capacidade de cura há milênios!

Começar a falar da Ciência da Vida já dá muito pano pra manga. Gosto de fazer uma pausa logo neste início para falar um pouco mais sobre a forma pouco comum de se pensar nos dias de hoje: trata-se de ter insights. Para quem não sabe insight é uma palavra em inglês que significa  a capacidade de obter uma compreensão intuitiva precisa e profunda de uma pessoa ou coisa. As traduções em português não contém a definição completa, então muitos de nós acabamos por usar a palavra em inglês mesmo. Muitos dos e das grandes cientistas da atualidade dizem terem desenvolvido suas grandes teorias através de insights. Quietos, meditabundos ou pensativos, é neste espaço que vêm à mente dos cientistas e das cientistas aquela lâmpada do desenho animado.


Pausa feita, vamos ao que estes sábios e mestres intuíram: tudo e  todos no universo são feitos a partir de 5 principais elementos. São eles terra, água, fogo, ar e espaço. E que estes elementos estão mais dispostos fazerem uma combinação sensível da seguinte forma: espaço e ar, fogo e água e terra e água. Por que chamei a combinação de sensível? Porque é esta combinação que tende ao erro. É essa combinação que  quando em equilíbrio faz tudo funcionar em harmonia e em desequilíbrio pode levar a doenças. Construção e destruição. Aqui faço outra pausa: Construção e destruição são inerentes e necessários ao universo . É necessário destruir  algo que "não interessa" e dar lugar à novas construções. Porém quando não estamos com capacidade de construir algo novo e destruindo o que ainda interessa, aí sim temos um problema, um desequilíbrio. Para evitar os desequilíbrios, é a estas combinações sensíveis que devemos dar maior atenção. São sensíveis!


Como a Ciência da Vida encara a saúde?


1 - Holística - Não é somente o corpo que é um todo interligado por suas diversas funções. O ser humano é um complexo corpo-mente.

2 - Individual - Cada ser humano é único e vai reagir de forma diversa aos diversos estímulos. E vai necessitar de soluções diferentes para seus problemas.

3 - Natural - Sim! Como vimos acima a Ciência da Vida é a compreensão da natureza e do universo. O reequilíbrio da natureza é encontrado nela mesma.

4 - Preventiva - Eu diria mais do que preventiva, ela é promotora da saúde! Porque "a saúde  não é apenas a ausência de doença, é um estado de completo bem-estar físico, mental e social", segundo a OMS. A Ciência da Vida conhece  métodos para o nosso completo bem estar .


E como em saúde estamos mais interessados no quê fazer do que no porquê de fazer, já temos um texto anterior a este falando dos benefícios de raspar a língua, uma das práticas diárias aconselhada pela Ciência da Vida. Pratique! Vamos continuar dando conselhos sábios e milenares.


por  Vitoria de Azevedo, arquiteta,

sócia proprietária da Samuel Hahnemann Farmácia Homeopática

e formada em Culinária Ayurveda e Dinacharya pela Arte de Viver.


#ayurveda #dinacharya

82 visualizações

(21) 3396-9675

(21) 3396-0815

Aplicativos de Mensagem

Veja no Maps
 

Estrada da Cacuia, 1269

Cocotá - Ilha do Governador

CEP 21921-001

Entregas em domicílio

Estacionamento próprio

  • Facebook Social Icon

horário de funcionamento

Seg a Sex: 09 às 19h

Sáb: 09 às 13h